Páginas

sexta-feira, 26 de junho de 2009

MUDANÇAS...



Nos temos que ter coragem para aceitar as mudanças da vida até a gramática mudou do dia para noite que ás vezes eu não sei se estou escrevendo certo ou errado.
Até um tempo deste eu fiz aula de dactilografia.E eis que aparece o computador
mandava cartas e eis que aparece o email
para esquentar comida: fogão ou banho Maria , agora é ele :o micro-ondas
telefone era coisa cara e agora é comum " barato", que você não pode viver sem ele :o celular,Iphone,internet,skype, e por ai vai.
TV preto e branco ô coisinha do passado. O máximo quando chegou a colorida,e agora a era é digital telas de cinema ah! e por falar em cinema ...Veneza, Trianom,São Luiz,Astor e Ritz não existem mais.
Radiola,LP,o que é isto? agora é CD e que CD que nada agora é pendrive.
cabelo branco? so coisa de vovozinha, as vovozinhas de hoje tem mil cores para pintar o cabelo, graças a Deus.
vovó! fazendo tricô! que nada ,as vovós fazem,pilates, musculação ,hidroginastica,dança de salão.
Cabelo cacheado só ficava liso se fosse espichado, hoje é alongado.
a casa tinha que ser encerada com enceradeira(peça de museu)
Brigadeiro, cajuzinho,salsicha com azeitona e queijo,e hoje são risoles e trufas
Queimado,pular corda,bola de gude, pião,brincadeira de roda,que perda de tempo hoje basta sentar e ficar jogando mil jogos no vídeo game...
casamentos duravam... hoje: ás vezes não passa da lua de mel...
Dependendo da mudança sendo para melhor é facíl aceitar...
O problema é que, com a crescente complexidade e rapidez do mundo, os ventos da história (ou "os ventos da mudança") sopram por sua vez de maneira cada vez mais forte e imprevisível, em rajadas capazes de fazer desmoronar os "edifícios" que demoramos uma vida a erigir. ficando cada vez mais difícil a tarefa de prever a dire
ção "desses ventos" e fazer as escolhas certas...
Para isso temos que compreender, da forma mais próxima da realidade possível, para onde vamos, para onde queremos ir e para onde vai o mundo: em toda a sua complexidade... Uma das nossas maiores qualidades que podemos ter é sermos curiosos.
Por isto devemos refletir muito bem e tentar compreender a mudança . Depois devemos recebê-la decididamente de braços abertos.
"Como diz o provérbio: "Pensar devagar. Agir com rapidez".

3 comentários:

Nanda Assis disse...

e viva os velhos tempos.
bjosss...

Cris Ventura disse...

Oi Carmem! Nem sempre compreendemos as mudanças, mas são necessárias...E acabamos entendo sua razão! Beijos!

Flávia disse...

Carmem,
adorei sua visita e, desta forma, poder conhecer um pouquinho de você.
Boas vibrações para você também!
Um grande beijo